quinta-feira, 14 de julho de 2016

querida casa nova ❥







«O mais importante não é a casa onde moramos, mas onde, em nós, a casa mora.»

Um caminho de terra quente onde não se passa quase nada. Alfarrobeiras, laranjeiras, figueiras e limoeiros são os únicos vizinhos. E o mar, claro, o mar muito perto, a fazer-se ouvir todas as noites, a trazer o melhor cheiro que há na vida, a lembrar-nos sempre da metáfora das marés.
É fresca e luminosa. Muito clarinha, caiada de branco, com barras azuis, com nome de refúgio e colo de amor. É simples e consistente, como nós, como a nossa vida, como o ponto mais forte da ancoragem que agradecemos todos os dias: a harmonia.

É a casa nova. E nós contamos e suspiramos todos os dias.
*
nas últimas semanas inspirámo-nos e apaixonámo-nos por esta vila linda.

» créditos imagens | villa palmier