terça-feira, 21 de junho de 2016

quando tu chegas*

O verão é sempre um ponto de viragem. Tudo se alinha. Ganhamos o coração, esbarramos na alegria, não temos prazos de validade. Mudamos de cor preferida, começamos do zero inúmeras vezes, mergulhamos nestes dias maiores sem medo de nada. Há sempre coisas boas que escapam ao planeado, à agenda dos dias, e que se instalam no nosso peito num sentimento de reconhecimento de que vale a pena continuar. Tanto sol, tantos lugares, tantas coisas e pessoas novas, tanto mundo, tantos amigos, tanto para ver e viver. Abraçamos, confiamos, soltamos e vemos o que acontece. Confiamos mais na vida, nas escolhas que vamos fazendo. Trilhamos o caminho dos dias azuis, da luz mais bonita do entardecer, não temos medo das subidas nem das curvas. Vivemos com muito mais coragem, do lado da alegria e da simplicidade, vivemos no absoluto, com o coração aberto, a certeza de que todos os dias foram feitos para nós e que a felicidade é este infinito que nos acrescenta.
Respiramos. Ser verão é uma forma de estar na vida.  - ❥-

» créditos imagem | birdasaurus